23
Setembro
2020

Enem Digital 2020

Provas digitais do Enem serão aplicadas pela primeira vez na edição 2020. Cerca de 100 mil participantes em todo o país devem ser atendidos.

Enem Digital 2020

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) anunciou como uma das novidades no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) para 2020 a aplicação de provas digitais. 

A princípio, as provas digitais atenderiam cerca de 50 mil estudantes em 15 capitais. Porém, após a publicação do edital do Enem Digital 2020, no dia 31 de março de 2020, foram aplicadas algumas mudanças para que a prova pudesse atender um número maior de participantes. Confira todas as informações sobre o Enem Digital 2020.

Quem poderá participar do Enem Digital?

 Só poderão participar das provas digitais do Enem 2020 os participantes que já concluíram o Ensino Médio ou os que irão concluir até o final do ano. Neste caso, o haverá a opção para treineiros. Também não serão aplicadas provas digitais neste ano para os participantes que necessitam de atendimento especial no Enem, como recursos de acessibilidade.

Quantos participantes podem fazer as provas digitais?

De acordo com o edital, o Inep vai aplicar o Enem Digital para 101.100 participantes. A intenção do Ministério da Educação (MEC) é aumentar a cada ano a quantidade de participantes que farão as provas digitais, até elas substituírem totalmente as provas impressas, em 2026, visando reduzir custos de impressão.

As provas digitais serão aplicadas em todos os Estados? Por quem elas serão aplicadas?

Sim. No primeiro edital divulgado pelo Inep, as provas seriam realizadas em apenas 15 capitais. No mesmo dia da divulgação, o instituto resolveu ampliar a aplicação para atender estudantes de todo o país.

O Enem Digital 2020 será aplicado em 110 cidades em todos os estados e no Distrito Federal. O Inep vai contratar uma empresa para fazer a aplicação das provas. Até o momento o nome da empresa não foi divulgado.

Em quais locais serão aplicadas as provas digitais do Enem?

Os locais de prova serão determinados pelo Inep e deverão apresentar uma infraestrutura adequada para receber os computadores onde serão aplicados os exames. Nos computadores os participantes terão acesso apenas ao sistema de prova, ficando impossibilitados de acessar a internet ou outros documentos.

É possível participar da prova digital e impressa?

Não. O estudante deve optar por apenas uma das provas. O período de inscrição será o mesmo para as duas provas e, no caso do Enem Digital, ficarão com as vagas os 100 mil primeiros estudantes que optarem por esta modalidade.

O Enem Digital seria aplicado em 22 e 29 de novembro, e o exame tradicional (impresso) realizado em 1º e 8 de novembro. Em consequência da pandemia do coronavírus as datas foram suspensas. Em julho foram divulgadas as novas datas. As provas impressas serão aplicadas nos dias 17 e 24 de janeiro e a versão digital nos dias 31 de janeiro e 7 de fevereiroEntenda a situação!

As provas serão iguais para as duas modalidades?

Não. A prova do Enem Digital terá o mesmo formato das provas tradicionais, com 180 questões e a redação, porém as perguntas serão diferentes, já que as provas serão aplicadas em datas diferentes. O nível de dificuldade das provas será o mesmo, por causa da Teoria de Resposta ao Item (TRI), assim como o tempo de resolução das questões.

No caso da redação, os temas também serão diferentes, e ela continuará sendo feita de forma manuscrita.

No video selected.

HITS: 172 Categorias: Blog

Deixe um comentário

Você está comentando como visitante.

ESCOLA AZEVEDO COSTA
Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
Formando jovens desde 25 de Janeiro de 1955
Av José Antonio Siqueira 0111, Julião Ramos, Macapá - AP, CEP 68908- 194
Ato de criação Decreto n° 4302/2005-GEA
ESCOLA ESTADUAL DE ENSINO MÉDIO (Código INEP: 16002431)